Maracaju entrará em período de colheita do milho safrinha

Período de colheita movimenta o agronegócio nacional, Maracaju é o maior produtor de grão do MS, ocupando destaque mundial na produção agrícola.




O mês de agosto será de muito trabalho no campo com início da colheita da safra de milho 2021, pois o produtor aguarda o melhor momento e minimizar os prejuízos causados neste ciclo. Com queda na produtividade, o grão ainda pode perder valor na entrada do armazém quanto a umidade e qualidade.

Infelizmente foi um ano difícil para o milho safrinha, após um atraso no plantio, baixa pluviosidade e geadas o que pode mudar a expectativa de colheita antes superestimada em 75 sacas por hectare, agora 52 sacas deve ser a média para este ciclo em MS, muito distante de outras safras que renderam até 100 sacas por hectare.


Se tratando de produção de milho o valor de ocasião saindo a R$99,00 por saca pode estar distante da realidade do produtor que já aceitou antecipar seus custos por R$40,00 a saca para o inicio do plantio.


A inadimplência pode assombrar alguns contratos, porém o Governo do Estado publicou no Diário Oficial Eletrônico n. 10.569 o decreto de ESTADO DE EMERGÊNCIA pelo prazo de 180 dias para todo o estado de Mato Grosso do Sul.

O município de Maracaju seguiu o recomendado e também o fez através do diário oficial edição Nº2143 de 16 de Julho de 2021. Isto pode garantir que o produtor renegocie suas dívidas e não perca o ciclo de plantio.


As informações são do quadro Realidades da Safra ao canal Notícias Agrícolas em entrevista com o presidente do Sindicato Rural de Maracaju Fábio Caminha.










47 visualizações0 comentário
Fotos
Fotos

press to zoom
Fotos
Fotos

press to zoom
1/1