Clube de futebol é investigado por manter adolescentes do sub-20 sem comida - CREDITO: CAMPO GRANDE

Cerca de 33 jogadores vivem em centro de treinamento e também não recebiam salários há 3 meses.


A Polícia Civil de Campo Grande investiga maus-tratos a jovens e adolescentes da equipe sub-20 do Esporte Clube Taveirópolis, time da Capital. Segundo denúncia, cerca de 33 jogadores estariam passando necessidades no centro de treinamento do clube, localizado na região do Bairro Estrela do Sul, principalmente, devido à falta de alimentação.


A Polícia Civil de Campo Grande investiga maus-tratos a jovens e adolescentes da equipe sub-20 do Esporte Clube Taveirópolis, time da Capital. Segundo denúncia, cerca de 33 jogadores estariam passando necessidades no centro de treinamento do clube, localizado na região do Bairro Estrela do Sul, principalmente, devido à falta de alimentação.


Além disso, há 3 meses os garotos não recebem os salários. Diante dessas situações, 14 atletas já voltaram hoje para casa, em Goiânia (GO). São 10 jogadores de base e 4 profissionais.

O que diz a Federação – A FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul) diz que, perante ela, o Taveirópolis se encontra regular e com todas as taxas exigidas pagas e assim, não há nada o que se fazer no momento.


A entidade relata ainda que acompanha a investigação e não descarta no futuro, comprovadas em inquérito a situação, punição ao clube e aos atuais dirigentes - na esfera esportiva, caso o clube não compareça já na disputa da próxima rodada, sexta-feira, contra o Comercial, às 13h, no Morenão, será eliminado por W.O. - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

8 visualizações0 comentário
MjufotoeventosSF-1.png
SHALOM EDINHO.png
drone.png