• Redação

Carro rebaixado dentro da Lei não vai guinchado


Neste artigo vamos abordar como rebaixar o veículo dentro da lei, anteriormente elaboramos um artigo sobre carro rebaixado não pode ser guinchado, e este artigo teve mais de 2 mil compartilhamentos, mas muitas dúvidas surgiram a respeito da regularização dos veículos, de como fazer para estar dentro da lei e não precisar se preocupar com multas ou blitz policiais.

Em 2014, foi publicada a Resolução Nº 479 de 20 de março, que regularizou rebaixar os veículos. Foram reunidas várias entidades e empresas, para que fosse possível esta legalização pelo CONTRAN. Anteriormente só a suspensão fixa era permitida.Vamos abordar abaixo:– O que pode ser feito agora, segundo a lei de trânsito– Como regularizar o carro rebaixadoO que pode ser feito agora para rebaixar carro, segundo a lei de trânsitoRebaixar o veículo é uma das modificações de tunning mais feitas nos veículos, anteriormente não tinha na lei um limite mínimo, mas com esta nova resolução o limite passou a ser de 10 centímetros do chão, para ser medido é preciso pegar a parte mais baixa do carro.Estas novas regras liberaram as modificações quanto as suspensões tanto fixa, quanto regulável. Outro ponto importante é que os pneus e rodas não podem em nenhum momento do esterçamento encostar em outras partes do carro.


Resolução Nº 479 de 20 de março de 2014 do CONTRAN:

Art. 6º Os veículos de passageiros e de cargas, exceto veículos de duas ou três rodas e quadriciclos, usados, que sofrerem alterações no sistema de suspensão, ficam obrigados a atender aos limites e exigências previstos nesta Resolução, cabendo a cada entidade executora das modificações e ao proprietário do veículo a responsabilidade pelo atendimento às exigências em vigor.

I – o sistema de suspensão poderá ser fixo ou regulável.

II – A altura mínima permitida para circulação deve ser maior ou igual a 100 mm, medidos verticalmente do solo ao ponto mais baixo da carroceria ou chassi, conforme anexo I.

III – O conjunto de rodas e pneus não poderá tocar em parte alguma do veículo quando submetido ao teste de esterçamento.

Como regularizar o carro rebaixado


Para rebaixar o carro e ficar dentro da leis de trânsito, é preciso respeitar algumas regras e também seguir um procedimento padrão. Primeiramente verificar a viabilidade das modificações, isto é, deverá ter no mínimo 10 centímetros, as rodas e os pneus não devem tocar em nenhuma parte do carro no momento do esterçamento.

Após analisada esta viabilidade, é necessário solicitar ao Detran a alteração, para modificar o carro. Terá algumas taxas para pagar e ter o carro regularizado, no Detran, você consegue se informar de todos os valores.

Autorizado pelo Detran, o próximo passo agora é ir ao mecânico rebaixar o carro. Com o carro rebaixado deverá submeter o carro a vistoria em uma oficina credenciada pelo INMETRO. O carro vistoriado, agora é ir até o Detran e pegar o Certificado de Segurança Veicular, ele será registrado nas observações do Certificado de Registro do Veículo e do Certificado de Registro de Licenciamento de Veículos.

Conclusão

Muitos motoristas acabaram vendendo o carro antes desta resolução por não conseguirem regularizar seus carros. Após muito debate, a Resolução Nº 479 de 20 de março de 2014 doCONTRAN foi publicada, e autoriza a legalização dos carros rebaixados, basta seguir os procedimentos exigidos pelos Órgãos de Trânsito. O carro rebaixado dentro da lei evita multas e maiores transtornos nas blitz policiais.


2 visualizações
falta de agua
00:00 / 01:47
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now